Apple ‘gonga’ novo produto de TV paga da Globosat na internet

Captura de Tela 2011 08 10 às 11.48.51 AM e1313081292426 Apple gonga novo produto de TV paga da Globosat na internetPágina inicial do Muu, serviço da Globosat que oferece TV paga via internet

 

Fabricante dos desejados iPhone e iPad, a Apple frustrou parte dos planos da Globosat de exibir programas de TV na web, em um novo serviço chamado Muu.

O Muu, apresentada nesta semana na ABTA-2011, segue o conceito de TV everywhere, literalmente TV em todo lugar. Trata-se de um novo serviço de TV paga em que o assinante tem acesso a determinados conteúdos em computadores e dispositivos móveis, como smartphones (caso do iPhone) e tablets (iPad).

A Globosat enviou para a Apple os aplicativos que desenvolveu para que os usuários de iPhone e iPad que também são assinantes da Net pudessem assistir ao conteúdo do Muu onde quer que estivessem.

A Apple, no entanto, não homologou os dispositivos. Provavelmente cedendo a pressões de operadoras de telefonia móvel, a multinacional não permitiu que a Globosat ofereça aplicativos (mais conhecidos como apps) que dêem acesso ao Muu via rede de 3G. Argumentou que não permite vídeos com mais de 10 minutos (e muitos dos programas do Muu, como o Marília Gabriela Entrevista, tem quase uma hora de duração).

A Globosat, então, teve que desenvolver novas versões dos apps, agora permitindo acesso ao Muu apenas via wi-fi. Ou seja, o assinante da Globosat que quiser assistir ao Muu não poderá fazê-lo em qualquer lugar, via sinal de telefone celular. Terá que fazê-lo conectando o iPhone ou iPad a um roteador de wi-fi, o que limita bastante o acesso ao serviço.

O Muu, dessa forma, foi lançado na ABTA sem os apps para iPhone e iPad prontos. Eles são devem estar disponíveis para download na Apple Store somente a partir de hoje.

“A gente foi gongado pela Apple”, afirmou Gustavo Ramos, diretor de mídias digitais da Globosat, em entrevista na ABTA-2011, feira e congresso de TV paga que terminou ontem em São Paulo.

A Apple, provavelmente, barrou o Muu via 3G porque vídeos ocupam muito espaço em redes. O 3G, que em determinados horários não funciona em São Paulo, ficaria ainda mais sobrecarregado.

Como funciona

O Muu por enquanto está disponível apenas para assinantes da Net, mas não será exclusivo da operadora. O assinante não pagará nada pelo serviço.

Para acessá-lo, basta ser assinante e se cadastrar no site do Muu. Serão oferecidos filmes e programas dos canais Globosat, como o Marília Gabriela Entrevista,Alternativa Saúde, Cilada e SporTV Repórter, entre outros. O conteúdo será recente, mas não o que acabou de ser exibido pelos canais.

Em tese, o novo serviço concorre com a TV paga tradicional, no televisor, mas é aparentemente um caminho inevitável. Com o avanço tecnológico, operadoras e programadoras de TV paga precisam se reinventar, ir onde o consumidor está. Se o consumidor está no iPad, elas têm de buscá-lo no iPad.

Além disso, o anúncio da chegada ao Brasil do NetFlix, empresa que nos EUA oferece filmes via web por US$ 7,99 por mês, assusta operadores. O Muu, portanto, é uma reação da Globosat e Net à possível entrada do NetFlix ao país.

 

Anúncios