SINAL ABERTO! Dos Canais ESPN Confira!

Resultado de imagem para canais espn

Entre os dias 20 e 28 de janeiro, ESPN Brasil, ESPN e ESPN+ estarão com o sinal aberto para mais de 15 operadoras em todo o país.

A grade completa estará disponível para os assinantes da Net/Claro, Vivo/GVT, Oi TV, Sky, além das afiliadas Neo TV (Algar, Cabo Natal, Conecta, Conector, Desktop, Ina Telecom, Multiplay, Oops Telecom, RCA Costa do Sol, Sumicity, TCM Mossoró, TVN São Luís, TVN Sul). Além da possibilidade de assistir aos canais pela televisão, os assinantes das operadoras poderão conferir o conteúdo pelo WatchESPN, plataforma de transmissão simultânea dos canais e também de conteúdo exclusivo disponível em aplicativo para Android e iOS e também pelo site ESPN.com.br/watch.

Imagem relacionadaImagem relacionada

Entre os destaques da programação no período de sinal aberto estão as partidas da Premier League e Australian Open (campeonatos exclusivos da ESPN) Wimbledon e US Open, semifinais e final da Copa São Paulo Junior, Copa do Brasil Sub-20 e Sub-17, handebol masculino, X Games Aspen; NBA; finais de conferência da NFL em partidas que decidirão o confronto do Super Bowl; além de todos os jogos do futebol internacional, com destaque para os campeonatos Espanhol, Italiano e Alemão.

Parceria Promete! Canal Paramount Channel e NETFLIX! Confira!

snapshot_7

O Paramount Channel anunciou a aquisição de “House Of Cards” e “Orange Is The New Black”, duas das séries originais de maior destaque da Netflix. As séries americanas serão incorporadas à grade de programação do canal e exibidas pela primeira vez na TV paga em toda a América Latina, de forma exclusiva na plataforma.

Com esses acordos, o canal de filmes agora expande a sua oferta de conteúdo e passa a exibir séries de renome. “House Of Cards”, protagonizada por Kevin Spacey e Robin Wright, aborda o mundo da política norte-americana e temas como manipulação e poder. Já “Orange Is The New Black”, criada e produzida por Jenji Kohan com a Lionsgate Television, é uma comédia dramática baseada em um livro autobiográfico que relata as experiências de um grupo de mulheres na prisão – a série é protagonizada por Taylor Schilling, Lauren Prepon, Laverne Fox, Uxo Aduba, entre outros talentos.

“House Of Cards” tem estreia prevista para março e “Orange Is The New Black” está prevista para estrear em abril. As duas produções somam dez prêmios Emmy e quase 70 indicações.

Fonte: Tela Viva.

NETFLIX Fecha o Ano com mais de 93 Milhões de Assinantes e Lucro acima dos $8 Bilhões!

 Resultado de imagem para sede netflix

A Netflix divulgou o balanço de 2016 reportando receita global de US$ 8,3 bilhões em serviços de streaming de vídeo, crescimento de 35% em relação ao ano anterior, contabilizando 93,8 milhões de assinantes, com 19 milhões de adições líquidas contra 17,4 milhões em 2015. Este trimestre marca o 10º aniversário do lançamento da primeira transmissão da empresa.

No quarto trimestre, a receita global de streaming cresceu 41%, registrando receita de US$ 2,4 bilhões, enquanto o lucro aumentou 74% ano a ano para US$ 470 milhões (margem de 20%). O lucro operacional totalizou US$ 154 milhões (margem operacional de 6,2%) em relação ao mesmo período do ano anterior.

Nesse trimestre, o serviço conquistou 7,05 milhões de novos membros contra 5,59 milhões no mesmo período de 2015. Este foi o maior trimestre em adições de assinantes da história da Netflix, impulsionado tanto pelo mercado norte-americano, quanto internacional.

No primeiro trimestre de 2017 a Netflix projeta conquistar 5,2 milhões de clientes, sendo 1,5 milhões nos EUA e 3,7 milhões no mercado internacional.

Fonte: Tela Viva.

SuperFlix: Os Games Adaptados para o Cinema!

snapshot_0

Confira agora o nosso mais novo vídeo no Canal SuperFlix, trazendo o tema “Os Principais Games adaptados para o Cinema”, uma divertida viagem no tempo para relembrar grandes produções, obras que marcaram época e trazendo até os dias de hoje as mais novas adaptações!  + Uma Review Completa de Warcraft! Repleto de Curiosidades!!! Confira:

Se Gostou! Curta, se Inscreva no Canal siga-nos nas Redes para não perder nenhum vídeo! Há Lembrando que o Sorteio do Livro “Esquadrão Rogue” ainda está Rolando! Basta se inscrever no Canal no Youtube e Comentar no Vídeo Seu Nome e Email! O Sorteio Rola no Dia 01/Fev e os Ganhadores anunciaremos por aqui e nas Redes! Fique Ligado!!!

 

ESPN é vice Líder entre os Canais de Esportes na TV PAGA!

Resultado de imagem para ESPN canais

Em 2016, os canais ESPN, ESPN Brasil e ESPN+ cresceram juntos 12% em relação a 2015, sendo o segundo grupo de canais de esporte com maior audiência no ano passado e primeiro entre os grupos internacionais. Segundo a empresa, o crescimento é resultados em trazer maior variedade esportiva transmitindo ligas europeias como Premier League, La Liga e BundesLiga, além de NFL, NBA, NHL, MLB, Surfe entre outros.

De acordo com os dados do Ibope, a ESPN também foi a segunda colocada considerando o tempo em que os espectadores assistiram aos seus canais em 2016, totalizando 39 minutos/dia. Os picos de audiência do conjunto de canais ficaram por conta do campeonato inglês, da partida entre Real Madrid e Barcelona, assim como o campeonato espanhol, as finais da NBA e, é claro, o Super Bowl.

Imagem relacionada

Em relação a canais específicos, o ESPN Brasil contou com crescimento de 28% no campeonato espanhol, 14% no alemão e 19% no campeonato inglês – este último transmitido com exclusividade nos canais ESPN na temporada 2016/2017.

Fonte: Tela Viva.

BRIGA: SKY x FOX não acaba e operadora pode Perder os Canais!

fox-x-sky

Os clientes da SKY Brasil, a segunda maior operadora de TV paga do país, podem perder atraçôes importantes como a “Libertadores da América” e séries como “Simpsons” e “The Walking Dead”.

Um comunicado emitido pela própria operadora para seus clientes (cerca de 5 milhões) fala sobre uma possível saída dos canais da programadora FOX.

Barraco de gigantes: Fox e Sky não se entendem na renegociação de contrato.

canais-fox-sky

De um lado a FOX quer que a SKY integre ao seu line-up (lista de canais) os canais Fox Premium. Esses canais são FOX 1 e FOX Action, que trazem produções exclusivas.

Já a SKY não quer incluir os canais e ter de pagar a mais por eles. O custo maior poderia ser repassado aos assinantes, que não querem pagar um centavo a mais pelo serviço.

Vale ressaltar que a TV paga no país segue perdendo assinantes.

A Fox promete endurecer e retirar todos os seus canais da Sky se os canais Premium não forem abrigados na grade da operadora no novo contrato.Se isso acontecer, milhões de assinantes brasileiros vão perder seus programas favoritos.

Segundo informações obtidas pelo NaTelinha, a negociação não avançou na última semana. O motivo ainda é o mesmo: a Sky não quer carregar os canais premium da Fox, o Fox 1 e Fox Action.

Chamado de Fox Premium, o serviço traz séries da emissora em primeira-mão. A Sky argumenta que o canal ainda não tem produtos extremamente atraentes – séries como “The Walking Dead” e “Vikings” são mostradas por lá em simultâneo com os Estados Unidos.

Outro argumento da operadora é a falta de espaço em seu satélite, algo que já é falado para novos clientes há algum tempo. A Sky promete ter um novo ainda este ano em órbita para uso neste primeiro semestre.

Caso não cheguem em um acordo nos próximos 20 dias, a Fox retirará seus canais da Sky. A programadora está na operadora desde sua fundação, nos anos 90. Caso a saída se confirme, é a segunda empresa que perderá os canais Fox por causa do Fox Premium.

No ano passado, a Oi TV ficou sem emissoras como Fox Sports e FX por não acertar uma renovação de contrato. O impacto agora será maior se acontecer. Como é a segunda maior operadora do país, a Fox certamente perderá números na audiência.

Atualmente, o valor para assinar o Fox Premium é de R$ 14,99. Segundo o NaTelinha apurou, a média de assinantes está abaixo do que a programadora esperava depois de meio ano de serviço lançado.

Qualquer nova informação Postaremos aqui no TAD!

BOMBA: BBC Retira em breve seus Canais da América Latina inclusive Brasil!

bbc-worldwilde

A BBC Worldwide, braço comercial da TV pública britânica, vai encerrar a partir de abril as operações dos canais de TV paga BBC Earth, BBC Entertainment e CBeebies na América Latina. A mudança, segundo a empresa, faz parte de uma nova estratégia de negócios para todo o continente. No Brasil apenas o BBC Earth está disponível hoje aos assinantes.

A empresa atua na região em duas frentes: a distribuição de canais, que agora será encerrada, e o licenciamento de conteúdos para várias plataformas (TV aberta, TV paga e online). Na prática, há um conflito entre elas, pois alguns dos melhores programas dos canais da programadora acabavam entrando em outros canais. Além disso, por ser uma entrante tardia no mercado de pay TV, a BBC teve dificuldade em emplacar seus canais nas principais operadoras.

Imagem relacionada

No Brasil, as produções exibidas pelo canal BBC Earth poderão ser assistidas em canais como Globo, SBT, Record e nos serviços Netflix, Looke e EnterPlay, que licenciam os conteúdos. A empresa afirma que há uma demanda crescente por conteúdos premium, como”Doctor Who” (exibida no Brasil pelo Syfy), “Sherlock” (disponível na Netflix), “The Hunt” ( Netflix e TV Globo) e, em breve, “Guerra e Paz” (Globo), entre outras. O SBT exibe ainda formatos da TV britânica como “Bake Off Brasil – Mão na Massa” e “What not to wear” (“Esquadrão da Moda”).

O conteúdo em vídeo do canal infantil CBeebies continuará disponível por meio do app CBeebies (plataformas Android e iOS).

“Nossa estratégia para o mercado latino-americano tem conquistado sucesso significativo, com importantes negociações de conteúdo de nossas séries de ficção, drama e documentários junto aos mais importantes canais de TV abertos e fechados, além dos serviços de OTT streaming. Também estamos expandindo nossa presença na região por meio da comercialização da adaptação local de nossos formatos”, disse Anna Gordon, VP executiva e gerente geral da BBC Worldwide para a América Latina e mercado hispânico nos Estados Unidos.

O canal de notícias BBC WorldNews, de propriedade da BBC Global News Ltd, não será afetado pela mudança e continuará a ser transmitido no Brasil e outros países da América Latina.

Fonte: TelaViva News.